Uma pilha de livros do lado direito com o título 80 perceptivos retalhos Bruna Nicole Tafner Pasqualini e a capa do livro do lado esquerdo.

Olá. Bem-vindos ao projeto Leia Livros Brasileiros! Eu sou a Gabriele Tschá e hoje vou falar sobre 80 Perceptivos Retalhos, de Bruna Nicole Tafner Pasqualini.


Nota de esclarecimento

Sim, eu conheço a Bruna há muitos anos. Nós estudamos juntas no Ensino Médio e passamos juntas por desilusões amorosas, noites de festa na faculdade, nossas formaturas, nossos casamentos e o nascimento de nossos filhos. Ela é uma de minhas melhores amigas. Por isso, eu sei que não vou conseguir ser imparcial aqui. Mas isso não anula o mérito da mulher maravilhosa que a Bruna é e da incrível obra de arte que ela produziu com este livro. E eu espero que, no final deste relato, eu tenha conseguido mostrar isso pra vocês.

A autora

A Bruna nasceu, cresceu e ainda vive na pequena cidade de Timbó, em Santa Catarina, terra do poeta Lindolf Bell. Em uma entrevista à rádio 92, ela contou que começou a escrever poesias ainda criança, como uma forma de se entender e entender o mundo ao seu redor. Aos 10 anos, Bruna venceu um concurso estudantil com o poema “Sorvete”. Na ocasião, o poeta Lindolf Bell disse a ela: “Você ainda é pequena, escreve como gente pequena. Mas um dia você vai crescer e vai escrever como gente grande”. Esta foi a fagulha inicial que despertou seu interesse pela arte. Hoje, ela possui duas formações universitárias, diversos cursos de especialização e é membro da Academia de Letras do Brasil de Santa Catarina na seccional de Timbó. Além de escritora, Bruna também é artista plástica, fisioterapeuta, esteticista, instrutora de pilates e ainda encontra tempo para dedicar ao piano, à família e a sua fé. Às vezes eu me pergunto se ela é mesmo uma mulher só!

O livro

Ao longo de duas décadas, Bruna colecionou mais de quinhentos poemas guardados em gavetas em sua casa. Destes, ela selecionou oitenta para publicar em seu primeiro livro. Como uma colcha de retalhos, a obra junta pedaços da vida da autora expressos em versos. Cada poema é acompanhado de uma imagem; às vezes é uma foto da autora, de lugares que ela visitou ou a reprodução de uma de suas pinturas em óleo sobre tela. A capa também é uma destas telas. O livro foi diagramado pela própria autora durante o primeiro ano de vida de seu filho, Pedro, e publicado de forma independente. O evento de lançamento ocorreu no dia 14 de agosto de 2019, na Casa do Poeta Lindolf Bell. Do valor arrecadado com as vendas neste dia, Bruna doou 15% ao Lar de Idosos de Timbó. Quem quiser conhecer melhor o livro, a autora e ouvir ela declamando o poeminha “Sorvete”, recomendo assistir à entrevista que ela deu à jornalista Marli Jardim para o seu site.

Minhas impressões

Eu preciso confessar que não costumo ler poesias, então não posso avaliar ritmo, métrica e outras questões técnicas. Mas, de qualquer maneira, eu acredito que este não é o principal objetivo desta obra. E eu insisto em usar esta palavra e chamar este livro de obra, porque é isso o que ele é: uma obra de arte. Como a própria Bruna disse, “a imagem reforça a interpretação do texto”. Por isso, eu apreciei 80 Perceptivos Retalhos aos poucos, uma página por dia, me demorando nas palavras e nas imagens e me permitindo sentir. E o que eu percebi foi um verdadeiro espelho da alma da autora. Ela não se acanha em mostrar todas as suas crenças, seus valores e seus sentimentos. É um livro bonito, gostoso de pegar, de ler, de olhar, de absorver e de vivenciar, como a arte tem que ser.

Como comprar a obra

Se você se interessou pelo livro 80 Perceptivos Retalhos, de Bruna Nicole Tafner Pasqualini, entre em contato direto com a autora pelo Instagram. Apoie a literatura nacional, não adquira nem compartilhe versões piratas, compre o livro clicando aqui.

Recadinhos finais

O Projeto Leia Livros Brasileiros é publicado em forma de texto no blog, vídeo no YouTube e áudio em podcast. No blog você encontra uma lista com todos os livros lidos e a ler. Se você tem alguma sugestão ou feedback, escreve pra mim. Entre em contato através de comentários nos posts, pelo site, YouTube, Instagram ou Twitter. Para quem está vendo o vídeo no YouTube ou ouvindo o podcast, os links estão todos na descrição do post. Continuem acompanhando e aguardem o próximo capítulo. O próximo livro que vou apresentar é Um Gato Chamado Borges, de Vilto Reis. Tchau e até lá.


Assista o vídeo:

Ouça o podcast:


0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.